Número 7 – O Deus da Sabedoria

Conta ele:
Foi-me explicado detalhadamente, que para tornar-me uma divindade, deveria eu produzir nas pessoas a descoberta da sabedoria.
Transmitiram-me a tarefa mas não explicaram como desenvolvê-la.
Depois de muito ter pesquisado e refletido sobre como desenvolver minha tarefa de sabedoria, optei por responder as perguntas que me fizessem.
E assim, acreditava eu, transmitir aos outros a sabedoria.
Instalei-me num confortável trono terrestre e permaneci a espera das pessoas para responder todas as suas perguntas.
Formou-se a minha frente longas e intermináveis filas.
Cada qual com suas perguntas.
Respondi a todas. Nunca deixei ninguém sem resposta.
Mesmo que tivesse que pesquisar e refletir muito para responder.
Passei por longos sete anos respondendo as perguntas.
No entanto, depois desses sete anos, percebi que as pessoas continuavam sem terem adquirido a sabedoria.
Fiquei intrigado. Inconformado.
Depois de responder a todas as perguntas, as pessoas continuavam sem sabedoria.
Comecei então a refletir sobre os meus próprios caminhos.
Com isso, senti a necessidade de descer de meu trono e infiltrar-me na multidão em busca de respostas.
Ao conviver entre as pessoas, vivenciei suas dificuldades e adquiri suas experiências.
E assim, tive de reagir a elas, demonstrando na prática os meus conhecimentos de sabedoria.
Quando terminei de rodar o mundo em busca de respostas estava novamente em meu trono.
Aproveitei então para descansar da peregrinação.
E, sentado em meu trono, observei que as pessoas haviam se tornado sábias.
Em minha quietude mais uma vez refleti. Só que agora de maneira mais profunda e abrangente.
Foi então, que consegui entender que ao conviver com as pessoas, pude exemplificar como descobre-se a sabedoria.
E, para tornar-me o Deus da Sabedoria, descobri que não basta falar com sabedoria mas sim, agir sabiamente.
Atendo pelo nome de SYPEMONEI ou MONEIPESY
Estou quase que inteiramente no Planeta Terra.
Todas as noites, enquanto o ser humano dorme, visito-o. E na sua alma, sussurro baixinho em seu ouvido:
Lembre-se: a sabedoria está nos atos e não nas palavras.

Mito dos Números – By http://www.annamarya.com.br/num_mito_num1.php

Anúncios