“Mas resolvi não falar hoje em saudade,
nem dar a entender “saudade” por carinhos …
Senão me derramaria demais e perderia o equilíbrio
que é tão necessário pelo menos para se dormir de noite.”

Clarice Lispector