“Perguntaram a Confúcio:

“Se o rei Wen o chamasse para governar o país, qual seria a primeira providência?”

“Aprender os nomes de meus assessores”.

“Que bobagem! Isto é a grande preocupação de um primeiro-ministro?”

“Um homem nunca pode receber ajuda do que não conhece”, respondeu Confúcio.

“Se ele não entender a Natureza, não compreenderá Deus. Da mesma maneira, se não sabe quem está do seu lado, não terá amigos. Sem amigos, não pode estabelecer um plano. Sem um plano, não consegue dirigir ninguém. Sem direção, o país mergulha no escuro, e nem os dançarinos sabem decidir com que pé devem dar o próximo passo”.

“Então, uma providência aparentemente banal, saber o nome de quem vai estar do seu lado, pode fazer uma diferença gigantesca. O mal do nosso tempo é que todo mundo quer consertar tudo de uma vez só, e ninguém se lembra de que precisa de muita gente para fazer isso”.

 

http://g1.globo.com/platb/paulocoelho/2009/10/

 

Anúncios