“Eu fico no meu canto e não me exponho
embora ponha a alma na janela.
Eu fico de vigília e não me espanto
mas cuido de observar e às vezes canto.”