“Se eu tivesse algo que pudesse tocar a alma das pessoas, mudar o sentir , “doci-ficar”, mudar o olhar sobre as coisas, sobre si mesmas , sobre outras pessoas…ensinar que o pensar deve caminhar de mãos dadas com o sentir e que o sentir é verbo de ação, de quem põe um coração em tudo que faz, toca, acredita… vivencia! 

Há tanta coisa que gostaria de ver mudada nesse mundo…. 
Há tanta coisa que eu gostaria de em mim mudar…. 

Grave não é o não saber o como fazer, grave é mesmo sabendo não poder agir, e mais grave ainda é não conseguir agir por não ter no que acreditar. 
Em mim essa sensação de mãos atadas pro futuro. 
É a fé que nos move, né! Ando tão vazia dessas utopias, que tenho os olhos vendados pro amanhã. 

É triste sim, eu sei… mas não sonho mais o mundo… só sonho a mim.”

Erikah Azzevedo