“Há tempo, muito tempo
Que eu estou
Longe de casa
E nessas ilhas
Cheias de distância
O meu blusão de couro
Se estragou…
 
E vou viver as coisas novas
Que também são boas
O amor, humor das praças
Cheias de pessoas
Agora eu quero tudo
Tudo outra vez…
 
Até parece que foi ontem
Minha mocidade
Com diploma de sofrer
De outra Universidade
 
Gente de minha rua
Como eu andei distante
Quando eu desapareci
Ela arranjou um amante
Minha normalista linda
Ainda sou estudante
Da vida que eu quero dar”
 
Belchior – http://www.youtube.com/watch?v=FCNKknryE0E
Anúncios