Havia ele, mas também havia ela.

Ela andava frustada, e como sempre mal resolvida em todas as questões que se tratavam do amor.
Ele andava de lá para cá, fazendo algumas garotas sorrirem, mas nenhuma havia feito até hoje ele sorrir.
Os dois eram acasos, lindos acasos que estariam prestes a se encontrar. Só não se sabe a hora nem om lugar, nem o motivo, nem a explicação. Os dois saberão que não foi o destino e sim Deus que os uniu, que os fez se encontrar.
Porém estão ainda vagando sem rumo, um ainda não encontrou o outro, mas a algo mais forte que prevalece, que juntara os dois.
Karine Cassol