Posts tagged ‘Selected’

Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.

Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta.

O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.

Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referenciais.
Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca.

Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.

Você gosta de rock e ela de chorinho, você gosta de praia e ela tem alergia a sol, você abomina Natal e ela detesta o Ano Novo, nem no
ódio vocês combinam. Então?

Então, que ela tem um jeito de sorrir que o deixa imobilizado, o beijo dela é mais viciante do que LSD.

(…) 

Não pergunte pra mim; você é inteligente. Lê livros, revistas, jornais. Gosta dos filmes dos irmãos Coen e do Robert Altman, mas sabe que uma boa comédia romântica também tem seu valor.

É bonita. Seu cabelo nasceu para ser sacudido num comercial de xampu e seu corpo tem todas as curvas no lugar. Independente, emprego fixo, bom saldo no banco. Gosta de viajar, de música, tem loucura
por computador e seu fettucine ao pesto é imbatível.

Você tem bom humor, não pega no pé de ninguém e adora sexo. Com um currículo desse, criatura, por que está sem um amor?

Ah, o amor, essa raposa. Quem dera o amor não fosse um sentimento, mas uma equação matemática: eu linda + você inteligente = dois apaixonados.

Não funciona assim. 

Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC. Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível.

Honestos existem aos milhares, generosos têm às pencas, bons motoristas e bons pais de família, tá assim, ó!

Mas ninguém consegue ser do jeito que o amor da sua vida é! Pense nisso. Pedir é a maneira mais eficaz de merecer. É a contingência maior de quem precisa.

Arnaldo Jabor

 
Anúncios

correnteza

“Mas eu não dizia nada. Pois naqueles dias eu aprendi a arte de ser paciente. A lenta e secreta arte de ter paciência.” 

maktub

A liberdade me ensinou que nela se concentra todo o prazer possível.

Com a segurança de quem sabe o que quer, ele abre a porta

“O guerreiro da luz contempla as duas colunas que estão ao lado da porta que pretende abrir. Uma se chama “Medo”, outra se chama “Desejo”.

O guerreiro olha para a coluna do Medo, e ali está escrito: “você vai entrar num mundo desconhecido e perigoso, onde tudo que aprendeu até agora não servirá para nada”.

O guerreiro olha para a coluna do Desejo, e ali está escrito: “você vai sair de um mundo conhecido, onde estão guardadas as coisas que sempre quis, e pelas quais lutou tanto”.

O guerreiro sorri – porque não existe nada que o assuste, e nada que o prenda. Com a segurança de quem sabe o que quer, ele abre a porta.”

está tudo no fundo dos olhos de quem vê

“O único fator que pode nos dar refúgio ou proteção é nossa prática da tolerância e da paciência.”

Find the eyes to see.

“Look not from the mind, but from the soul.

For the life that is coming is already before us, waiting to open up the world.  

Just look more closely. Find the eyes to see.”

Celestine Prophecy, 1st insight

“Não é uma oração, é uma sentença de entrega.”

“A força é a mesma, a doçura é a mesma, a delicadeza é a mesma, assim como a serenidade. É como se a Deusa tivesse enviado um raio para a Terra, retransmitido pelo planeta Vênus, e tivesse decidido que essa função se chamaria Yasmin.


… Reparem que não estou a dar-vos nenhuma técnica, nenhuma coisa complicada; estou apenas a tentar expressar, num convite, a essência da simplicidade…
%d blogueiros gostam disto: